Podcast Progshine #1


Há tempos penso em colocar essa idéia no ar, pois bem, em comemoração aos 2 anos do Site entra no ar o Podcast Progshine.

Será um programa semanal com 2 horas de duração, nessas duas horas apresentarei bandas dos mais diversos sub-gêneros do Rock Progressivo, como também vou abordar um pouco sobre cada uma delas.

Nesse número 1 temos o seguinte tracklist, dividito em 5 blocos:

Bloco 1
Premiata Forneria Marconi – From Under / do disco Chocolate Kings (1975)
Cálix – Olhos Fechados / do disco Ventos De Outono Ao Vivo (2007)
Beckett – Once Upon A Time… The End/Rolling Thunder / do disco Beckett (1974)

Bloco 2
Transatlantic – Duel With The Devil / do disco Bridge Across Forever (2002)

Bloco 3
Ambrosia – And…/Somewhere I’ve Never Travelled / do disco Somewhere I’ve Never Travelled (1976)
The Alan Parsons Project – The Tell-Tale Heart / do disco Tales Of Mystery And Imagination Edgar Allan Poe (1975)
Procol Harum – In Held ‘Twas In I / do disco Shine On Brightly (1968)

Bloco 4
Yes – Roundabout / do disco Fragile (1972)
Moto Perpétuo – Mal O Sol / do disco Moto Perpétuo (1974)
Harmonium – Vert / do disco Si On Avait Besoin D’une Cinquième Saison (1975)
A.C.T – Abandoned World / do disco Today’s Report (1999)

Bloco 5
Atmosphera – Lady Of Shalott / do disco Lady Of Shalott (2002)
Jethro Tull – Life Is A Long Song / do disco Living In The Past (1972)

Lembrando que o programa irá ao ar toda segunda-feira, mas que nesse número 1 por problemas técnicos no servidor de hospedagem do arquivo o mesmo não pode ser postado ontem. Os arquivos ficarão organizados no menu lateral direito do site sob o link Podcast.

É isso, espero que gostem, e mandem comentários, críticas ou sugestões para o progshine@gmail.com ou deixem comentários aqui mesmo.
Para ouvir basta clicar em ‘play’ logo abaixo.

Anúncios

Autor: Diego Camargo

Editor chefe do Progshine

Um comentário em “Podcast Progshine #1”

  1. Parabéns,

    Gostei do seu primeiro podcast, continue…bom, não tenho savoir-faire para fazer o que você faz com tanto progressive rock, fantástico, por isso que vou comentar somente a edição de sua locução, que, como você mesmo sabe, não ficou muito legal, mas você já sabe como corrigir.

    Também, gostaria de pedir um comentário seu, e se possível inclusão em um próximo programa “Progshine Progressive Rock Podcast” ou PPRP. Você poderia incluir uma banda que não fosse progressiva em sua essência, como por exemplo, uma banda de metal, folk, ou que você identificou elementos do gênero.

    Abraços, e mais uma vez, parabéns!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s