Lista: O Lado Progressivo Do Beat-Club


beat-club-logo-kopia

Por Diego Camargo

Hoje em dia a grande maioria dos apaixonados por música conhecem o programa Beat-Club. Mas como ninguém nasce sabendo o Progshine conta um pouco da história desse programa de TV lendário.

O Beat-Club era um programa de TV alemão que foi ao ar entre Setembro de 1965 e Dezembro de 1972, ele era gravado na cidade de Bremen e era transmitido pelo canal público de televisão ARD. O programa foi o primeiro show de tv Alemão a ter a música como seu tema principal e era sempre apresentado por uma dupla, sendo que várias pessoas fizeram parte dele, mas a figura mais emblemática de todas e que participou de todo o tempo de duração do Beat-Club foi a apresentadora Uschi Nerke, que segiu sendo a apresentadora mesmo depois da mudança de nome do programa e de foco.

Uschi Nerke
Uschi Nerke

Uma quantidade absurda de bandas/músicos apareceu no programa e graças a isso hoje temos performances imortalizadas por grupos como Grateful Dead, Cream, Frank Zappa, The Rolling Stones, Ten Years After, Rory Gallagher, Led Zeppelin, Jimi Hendrix, Ike & Tina Turner, The Who, Black Sabbath, David Bowie, Bee Gees, The Beach Boys, Chicago, The Doors, Kraftwerk e MUITOS outros. Em 1972 o Beat-Club foi substituído pelo show Musikladen, totalmente voltado para a música Pop e que durou até 1984.

O Beat-Club acabou ficando conhecido por seu visual psicodélico e porque várias bandas utilizaram as gravações do programa como ‘clipes’ para a MTV mais tarde, como ‘Paranoid’ do Black Sabbath e ‘Highway Star’ do Deep Purple.
Num raro exemplo de modernidade (para um programa/emissora de TV), todos os episódios do programa podem ser comprados através do iTunes (e por uma módica quantia de 1,99 Euro cada). Foram também lançados DVDs que compilam o que de melhor foi feito no programa. Ainda é possível adquiri-los na Amazon AQUI e AQUI ou em formato Box AQUI. No Brasil foram lançados apenas os dois primeiros citados e que ainda podem ser encontrados no Submarino ou Americanas.

Como outra prova de que os Alemães estão acompanhando os novos tempos, o programa também tem um canal no Youtube onde várias performances clássicas podem ser assistidas.

Pensando em tudo isso, peneirei 10 exemplos de bandas Progressivas para apresentar aos leitores do Progshine.

Pegue sua pipoca e aproveite!

The Nice – Hang On To A Dream (1969)

Yes – No Opportunity Necessary, No Experience Needed (1969)

Family – The Weaver’s Answer (1969)

Jethro Tull – With You There To Help Me (1970)

Emerson Lake & Palmer – Knife-Edge (1970)

Colosseum – Take Me Back To Doomsday (1970)

Atomic Rooster – Tomorrow Night (1970)

Kraftwerk – Rückstoss-Gondoliere (1971)

King Crimson – Larks’ Tongues In Aspic (1972)

Caravan – Winter Wine (1972)

Anúncios

Autor: Diego Camargo

Editor chefe do Progshine

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s