Morre Jon Lord


Morreu ontem Jon Lord, aos 71 anos de idade. O lendário tecladista, e um dos fundadores, do Deep Purple, morreu ontem em um hospital de Londres de uma embolia pulmonar. Jon batalhava contra um câncer no pâncreas há mais de 1 ano.

Jonathan Douglas Lord foi um dos pioneiros em utilizar teclados no que hoje conhecemos como Hard Rock. Sua técnica incomum unia a música clássica ao Rock e foi o pioneiro no uso do órgão Hammond dentro do estilo. Especialmente quando, no começo do Deep Purple, decidiu por utilizar amplificadores de guitarra ao invés dos convencionais amplificadores utilizados nos teclados da época, as famosas Caixas Leslie. Isso deu a banda uma dimensão e um peso nunca antes ouvidos.

Jon Lord ao vivo em 1976 com o Deep Purple

“Jon não era apenas um grande músico, ele era meu companheiro preferido para um bom jantar. Estamos todos tristes. Sabíamos que ele estava doente, mas as notícias eram que ele estava melhorando. Essa notícia veio como um choque completo. Sem Jon o Deep Purple nunca existiria.” Essa declaração de Ritchie Blackmore (guitarrista original do Deep Purple) mostra o quanto o música foi importante para a banda.

Jon Lord era um dos principais compositores da banda e sua paixão pelo Rock e pela música Clássica rendeu ao mundo o disco Concerto For Group And Orchestra (1970) gravado em 1969 com a Royal Philharmonic Orchestra no Royal Albert Hall de Londres e lançado pelo Deep Purple, um marco na época onde a banda tocava junto de uma orquestra completa.

Jon também tece uma carreira solo prolífica onde lançou diversos album que fundiam o Hard Rock, Rock Progressivo e a música Clássica como em seus discos Windows (1974)Sarabande (1976).

Com o fim do Deep Purple, Jon aceitou o convite de David Coverdale (que fez parte da última formação do Purple nos anos 70) para montar um novo grupo, nascia ai o Whitesnake, outro grupo lendário, com quem ele gravou e escursionou até 1984, quando o Deep Purple voltou a tocar com sua formação clássica. Jon ficou no Purple até 2002, quando começou a se dedicar exclusivamente em sua carreira solo e excursões com orquestras, que inclusive passou pelo Brasil em 2009.

Jon Lord ao órgão com Orquestra no fundo

Como lembrança aos fãs, Jon estava preparando um novo disco, Concerto For Group And Orchestra (2012), que será lançado em Setembro e que traz um time pesado junto de Jon, músicos como Bruco Dickinson, Joe Bonamassa, Steve Morse e a Royal Liverpool Philharmonic Orchestra. Trata-se da regravação do clássico original do Deep Purple e que terá um documentário lançado também.

Fica aqui essa humilde homenagem a um dos grandes músicos que mudaram a história do Rock e que sem o qual, talvez o Rock Progressivo não tivesse uma série de sons que ouvimos hoje.

Abaixo o disco Sarabande (1976) na íntegra:

Site
Facebook
Twitter

Leia outras notícias sobre o Deep Purple

Deep Purple Confirma Shows No Brasil


Por Érico Borgo

O Deep Purple anunciou em seu site oficial mais cinco shows no Brasil. Além de São Paulo, a banda tocará também em Belém, Fortaleza, Campinas, Belo Horizonte e Florianópolis.

O Rio de Janeiro não está listado na turnê pela América do Sul e, considerando que logo em seguida a banda segue para a Argentina, a única possibilidade seria um show antes da primeira parada do grupo, em Belém, no dia 5 de outubro.

Por enquanto, informações sobre ingressos e vendas para as novas datas ainda não foram divulgadas. Confira abaixo os detalhes de cada show.

Belém
Data: 5 de Outubro
Local: Cidade Folia

Fortaleza
Data: 7 de Outubro
Local: Siara Hall

Campinas
Data: 8 de Outubro
Local: Expo America

São Paulo
Data: 10 de Outubro
Local: Via Funchal

Belo Horizonte
Data: 11 de Outubro
Local: Chevrolet Hall

Florianópolis
Data: 12 de Outubro
Local: Stage Music Park

Os ingressos para o show em São Paulo custam de R$ 130 (pista) a R$ 300 (pista premium e camarote) e já estão à venda AQUI.

O grupo criado em 1968, um dos pioneiros do hard rock, é formado atualmente pelo vocalista Ian Gillan, o baixista Roger Glover, o baterista Ian Paice. o guitarrista Steve Morse e o tecladista Don Airey.

Mais detalhes serão divulgados em breve.

Site
Myspace
Fonte

Leia outras notícias sobre o Deep Purple

Jon Lord, Ex Tecladista Do Deep Purple, Está Com Câncer


Por Henrique Inglez de Souza

Jon Lord, tecladista, compositor e um dos membros fundadores do Deep Purple, está com câncer. O músico publicou uma nota em seu site oficial nesta terça-feira (9) para dar a notícia.

“Eu gostaria que todos os meus amigos, seguidores, fãs e companheiros de viagens saibam que estou lutando contra um câncer e que, portanto, darei um tempo nas apresentações enquanto faço o tratamento para me curar”, escreveu ele sem dar detalhes sobre o câncer.

“É claro que continuarei fazendo música – em meu mundo, isso é parte da terapia – e eu espero estar de volta em boa forma no próximo ano. Deus abençoe e vejo vocês em breve”.

Jon Lord tornou-se um dos mais respeitados nomes do rock mundial a bordo do Deep Purple. A banda que ajudou a fundar, ao lado de Ian Paice (bateria) e Ritchie Blackmore (guitarra), em 1968, gravou alguns dos principais clássicos do estilo: ‘Hush’, ‘Speed King’, ‘Black Night’, ‘Highway Star’, ‘Smoke on the Water’, ‘Burn’, ‘Mistreated’, ‘Stormbringer’, ‘Perfect Strangers’, entre outros. Tudo sempre com o emblemático som de seu órgão Hammond.

Desde que deixou o grupo, em 2002, o músico passou a se dedicar a projetos próprios e de outros músicos. Seu último álbum é o recente Live (2011), lançado no mês passado e gravado em Bucareste na Romênia. Veja ‘Child In Time’ desse disco:

Ou ouça um trecho de ‘Bouree’, ‘The Sun Will Shine Again’, ‘Soldier Of Fortune’ e The Telemann Experiment’, logo abaixo:

É possível deixar uma mensagem pra Jon em seu site NESSE LINK.

Site
Facebook
Twitter
Fonte

Leia outras notícias sobre o Deep Purple

Baixista Do Deep Purple, Roger Glover, Lança Disco Solo


Por Katy Freitas

O baixista do Deep Purple, Roger Glover, lança um novo álbum solo intitulado If Life Was Easy (2011), e está agendado para estrear na Europa no dia 11 de julho via EarMusic/Edel.

Esta é a seqüência de seu último trabalho solo, Snapshot (2002) e começou a ser gravada em 2007. O álbum conta com a colaboração de sua filha, Gillian Glover.

O 18º álbum de estúdio do Deep Purple, Rapture Of The Deep (2005), foi lançado em novembro de 2005. Em recente entrevista, Glover falou por que o disco demorou tanto para sair.

“Tivemos discórdias na banda sobre fazer ou não um álbum. Eles não dão mais dinheiro, na verdade. Minha opinião é de que somos uma banda de álbuns e devemos fazê-lo mesmo se nos custe dinheiro, porque é o que fazemos. Não há nada de errado nisso. Um álbum significa captar um momento e em uma banda com uma história como a nossa, esses momentos significam muito”, disse o baixista ao site QMI Agency.

Site
Fonte

Leia outras notícias sobre o Deep Purple

Deep Purple Lança Disco Ao Vivo Duplo


O Deep Purple anunciou o lançamento de um novo disco ao vivo, no entanto, não se trata de uma gravação recente. A banda inglesa lançará um registro que traz faixas entre os anos de 1968 e 1976, ou seja, das quatro primeiras formações.

Ainda sem um dia oficial definido para o lançamento, Space Truckin’ Round the World Live 68-76 será duplo e tem previsão de chegar ao mercado no mês de novembro. Os fãs ouvirão músicas tocadas em países como Suécia, França, Estados Unidos, Japão e Dinamarca.

Além dos dois discos, um pequeno livreto trará a história detalhada do grupo, que é um dos mais influentes da história do Rock, fotografias raras e diversas informações sobre cada uma das apresentações.

Abaixo as faixas e onde/quado foram gravadas:
Disco 1
01. Hush (Inglewood 1968)
02. River Deep Mountain High (Inglewood 1968)
03. Hey Joe (Inglewood 1968)
04. Wring That Neck (Aachen 1970)
05. Into The Fire (Stockholm 1970)
06. Mandrake Root (Montreux 1969)

Disco 2
01. Child In Time (Granada TV 1970)
02. Lazy (Denmark 1972)
03. Strange Kind Of Woman (Denmark 1972)
04. Burn (San Diego 1974)
05. Mistreated (San Diego 1974)
06. The Gypsy (Paris 1975)
07. Lady Double Dealer (Paris 1975)
08. Wild Dogs (Tokyo 1975)
09. Love Child (Tokyo 1975)

Site
Myspace
Fonte

Leia outras notícias sobre o Deep Purple

Deep Purple Ganha Edição Comemorativa Do Álbum Stormbringer


Por Henrique Inglez de Souza

Um dos grandes clássicos do Deep Purple está completando 35 anos de lançamento. Stormbringer (1974) foi o último disco de estúdio com a formação Ritchie Blackmore (guitarra), Jon Lord (teclado), Ian Paice (bateria), Glenn Hughes (baixo e voz) e David Coverdale (voz). No final de fevereiro, deve chegar ao mercado uma reedição comemorativa dessa fase.

Será lançado um CD duplo contendo um disco com as faixas remixadas e remasterizadas e outro disco com o material que foi originalmente lançado, em 1974. Além do quesito sonoro, a arte visual também foi restaurada, ganhando encarte com as letras das músicas, fotos e texto informativo.

O trabalho por trás do tratamento pelo qual Stormbringer (1974) passou foi capitaneado pelo próprio Glenn Hughes. Assim que a versão dupla se esgotar, será disponibilizado um CD simples. Para os saudosistas, está planejada também uma reedição em vinil, fato comum (ainda bem) nos dias atuais.

Maiores detalhes podem ser encontrados NESSE SITE.

Site
Fonte

Leia outras notícias sobre o Deep Purple